• RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
domingo, 5 de agosto de 2012 às 22:05 Postado por Gustavo Jacondino 0 Comments

 
“Sou egoísta, impaciente e um pouco insegura. Cometo erros, sou um pouco fora do controle e às vezes difícil de lidar, mas se você não sabe lidar com o meu pior, então com certeza, você não merece o meu melhor!”


Marilyn Monroe é o nome artístico de Norma Jean Mortenson, que nunca conheceu seu pai biológico, vivendo em orfanatos e casas de parentes. Ao começar a atuar, se divorciou do então marido Jimmy Dougherty, adotando seu famoso nome artístico. Com grande talento para comédias, conquistou o público com sua sensualidade, exuberância graciosidade. Se tornou uma estrela em  Torrentes de Paixão, 1953, de  Henry Hathaway


"Eu sabia que eu pertencia ao público e ao mundo, não pelo fato de ser talentosa ou até mesmo bonita, mas porque eu nunca pertenci a nada ou a ninguém"


Durante sua lua de mel em Tóquio, com Joe DiMaggio Marilyn fez uma performance para os militares que serviam na Coreia. A sua presença causou quase um motim, e Joe se mostrava claramente incomodado com aqueles milhares de homens desejando sua mulher. Ela era muito cobiçada, sua beleza chamava atenção e isso causava brigas e ciúme com todos os homens com quem se relacionou.


Ao estudar numa escola de atores e montar sua própria produtora teve o talento reconhecido, ao ganhar o Globo de Ouro de melhor atriz de comédia em “Quanto Mais Quente Melhor”, de  Billy Wilder,1959.

Separou-se. Casou novamente. Mas novamente se separou, no dia da posse de John F. Kennedy, a fim de evitar a capa dos jornais, o que não adiantou. Até John F. Kennedy não resistia à Monroe, tendo um intenso caso com ela.

“Algumas vezes na vida, você encontra uma amiga especial. Alguém que muda sua vida simplesmente por estar nela. Alguém que te faz rir até você não poder mais parar. Alguém que faz você acreditar que realmente tem algo bom no mundo. Alguém que te convence que lá tem uma porta destrancada só esperando você abri-la. Isso é uma amizade pra sempre. Quando você está pra baixo e o mundo parece escuro e vazio, sua amiga pra sempre te põe pra cima e faz com que o mundo escuro e vazio fique bem claro. Sua amiga pra sempre te ajuda nas horas difíceis, tristes e confusas. Se você se virar e começar a caminhar, sua amiga pra sempre te segue. Se você perder seu caminho, ela te guia e te põe no caminho certo. Sua amiga pra sempre segura sua mão e diz que vai ficar tudo bem. Sua amiga é pra sempre, e pra sempre não tem fim. Algumas vezes na vida, você encontra uma amiga especial. Alguém que muda sua vida simplesmente por estar nela. Alguém que te faz rir até você não poder mais parar. Alguém que faz você acreditar que realmente tem algo bom no mundo. Alguém que te convence que lá tem uma porta destrancada só esperando você abri-la. Isso é uma amizade pra sempre. Quando você está pra baixo e o mundo parece escuro e vazio, sua amiga pra sempre te põe pra cima e faz com que o mundo escuro e vazio fique bem claro. Sua amiga pra sempre te ajuda nas horas difíceis, tristes e confusas. Se você se virar e começar a caminhar, sua amiga pra sempre te segue. Se você perder seu caminho, ela te guia e te põe no caminho certo. Sua amiga pra sempre segura sua mão e diz que vai ficar tudo bem. Sua amiga é pra sempre, e pra sempre não tem fim.”

A notícia da morte por overdose de barbitúricos foi um choque e uma surpresa ao mesmo tempo. Principalmente pelos fatos misteriosos que a envolvem. O que temos é somente uma opinião oficial, com poucas provas que restaram para lhe dar o respaldo necessário.

“Mulheres comportadas, raramente fazem historia”

0 Amantes do cultcomentario até agora.

Postar um comentário