• RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
domingo, 17 de dezembro de 2017 às 11:20 Postado por Gustavo Jacondino 0 Comments


Quando J. J. Abrams assumiu a franquia Star Wars o seu episódio VII, “O Despertar da Força”, a forte impressão que ficou foi a de um filme hábil, envolvente, dotado de um ótimo elenco e que deixara questões promissoras para uma continuação. Seu ponto mais fraco era a repetição da estrutura narrativa do episódio IV, abraçando a jornada do herói de maneira clássica e repetindo elementos já vistos em outros episódios da franquia, como uma nova Estrela da Morte, a Starkiller, ou o surgimento do novo Império, a Primeira Ordem. Pois em “Star Wars episódio VIII: Os Últimos Jedi” o diretor e roteirista Rian Johnson avança na trama e no desenvolvimento de seus personagens com segurança e uma ousadia necessária para que este episódio não caia no lugar comum de mais um filme da saga, mas que se destaque de tudo que já fora feito antes na franquia.